Chapada Diamantina Dicas

Chapada Diamantina Dicas

Chapada Diamantina Dicas

Chapada Diamantina Dicas: O que trazer, como chegar, serviços bancários e de correios e acomodações.

Chapada Diamantina Dicas: A Extreme EcoAdventure propõe a seus viajantes que façam o uso inteligente do protetor solar, já que este polui as águas puras que brotam de nossas serras. Pedimos para aqueles que não possam ter exposição ao sol que providencie roupas longas e a Extreme EcoAdventure providencia um chapéu de palha para contribuir com a natureza. Ela agradece!

Chapada Diamantina Dicas: Contrate um guia- Essa é a principal dica para quem vem para a Chapada Diamantina. Não deixe de contratar um guia em alguma agência ou na associação local de guias, pois há péssimos relatos de quem contratou uma pessoa que só sabe caminhos. Um guia deve saber os procedimentos de primeiros socorros e portar um kit, deve conhecer a história e cultura do local, No caso dos treks, ele precisa conhecer muito bem a serra, inclusive onde acampar e para onde ir em caso de emergência, como uma tromba d´água. Saber onde há pontos de apoio e onde pode haver sinal de celular. Ele deve obrigatoriamente saber como agir e orientar seu grupo para minimizar os impactos ambientais nos locais visitados, pois a natureza é poderosa mas sensível ao mesmo tempo. Traga seu lixo de volta e avalie as ações de seu guia em relação á lei do mínimo impacto em ambientes naturais.

Chapada Diamantina Dicas: O que levar nos passeios diários

– Água.

– Mochila para carregar seus pertences (inclusive o lanche quando fornecido por nós).

– Máquina fotográfica.

– capa de chuva.

– bota de trekking ou tênis.

– Roupas leves para caminhar.

– Dinheiro caso queira algum opcional como tirolesa, rapel, refrigerantes ou souvenires.

– Boné ou chapéu.

– medicamentos específicos. Não ministramos medicamentos via oral ou venal; somos treinados para atender primeiros socorros.

– Casaco leve para o final do dia.

 

Chapada Diamantina Dicas: O que levar nos treks

Fornecemos barraca, saco de dormir, isolante, alimentação completa e de qualidade, guias experientes, carro para início e resgate de trilha. Traga sua maior mochila (mínimo 45 litros). É melhor uma mochila confortável folgada que uma mochila pequena estourando, com os alimentos ou equipamentos pessoais e de camping pendurados. Além do saco de dormir, isolante, 1 barraca para cada 3 pessoas, segue a lista de equipamentos pessoais que são úteis:

– 1 garrafa de 1,5 litros de água.
– lanterna.
– capa de chuva para mochila.
– bota de trekking ou tennis.
– sandália de trekking ou havaianas.
– medicamentos específicos. Não ministramos medicamentos via oral ou venal; somos treinados para atender primeiros socorros.
– uma muda de roupa extra para caminhar, outra para dormir. Embaladas em saco plástico.
– Sugestão: calça leve, bermuda e meia de futebol, camisa de mangas longas, boné, capa de chuva fina.
– não levar sabonete, shampoo, livros, vidros ou peso desnecessário.
– suplementos como chocolate, barras de cereais, salgadinho e etc, não são fornecidos e fica a critério de cada um levar ou não.

Chapada Diamantina Dicas: como montar sua mochila

 

Chapada Diamantina Dicas:  Como se comportar no trek

Andar exclusivamente na trilha. Quanto menos barulho, maior a chance de vermos animais silvestres. Urinar ou defecar longe do leito do rio, em local determinado pelo guia. Enterrando o papel usado juntamente com as fezes. As meninas devem jogar no lixo o papel que utilizarem após urinar, e trazer de volta para a cidade absorventes usados. Escovar dentes e lavar pratos longe do leito do rio. Não quebrar galhos verdes ou secos. Fumantes providenciar recipiente próprio para filtros de cigarro e atenção com fogo. Velas só na latinha, não deixando resíduos de cera na rocha. Não mergulhar sem consultar o guia. Atenção ao andar sobre pedras úmidas e inclinadas. Deixe o guia andar na frente porque ele identifica melhor animais para contemplação. Cada um é responsável pelo equipamento disponibilizado, tanto para carregar quanto para zelar por ele. O guia irá montar a mochila dele com o alimento mais pesado e o que não couber na mochila dele é dividido pelo grupo, por isso precisamos de espaço nas mochilas para carregar tudo que for necessário.

Chapada Diamantina Dicas: Como chegar na Chapada Diamantina

Avião:

– Dois vôos por semana (5as e domingos) da TRIP/ AZUL fazendo a rota Salvador-Lençóis-Salvador (www.voeazul.com.br).

Carro: 

– Salvador: A melhor rota é Salvador- Feira de Santana- Ipirá- Itaberaba- Lençóis. Utilizamos a estrada do Feijão porque é há menos trânsito de carretas se comparada á BR-242.

– SP e MG: SP-MG(BH)- Sentido Sete Lagoas- Montes Claros- Janaúba- Porteirinha- Mato Verde- Monte Azul- Espinosa- Urandi- Guanambi- Caetité- Brumado (não entra na cidade)- Sussuarana (distrito)- Tanhaçú- Ituaçú- Barra da Estiva- Ibicoara- Mucugê- Andaraí- Lençóis.

– Brasília e Goiás: BR-020 e BR-349 sentido Bom Jesus da Lapa- Ibotirama- Seabra- Palmeiras- Lençóis.

Ônibus:

Recomendamos que cheguem em Lençóis ou Palmeiras/ Vale do Capão, pois o ônibus é mais confortável e a viagem mais curta com menos paradas no caminho.

Como chegar em Lençóis:

– Três ônibus por dia fazendo a rota Salvador-Lençóis-Salvador da REAL EXPRESSO (www.realexpresso.com.br). O ônibus é semi-leito, sendo bastante confortável. O ar-condicionado é muito forte, leve casaco e calça nessa viagem.

Como chegar em Palmeiras/ Vale do Capão:

– Três ônibus por dia fazendo a rota Salvador-Palmeiras-Salvador da REAL EXPRESSO (www.realexpresso.com.br). O ônibus é semi-leito, sendo bastante confortável. O ar-condicionado é muito forte, leve casaco e calça nessa viagem.

Para quem vai ao Vale do Capão há táxis na rodoviária de Palmeiras que transportam os viajantes pois não há transporte público.

Como chegar em Andaraí/ Igatú, Mucugê, Ibicoara:

A empresa que opera esses trechos é a Águia Branca (http://www.aguiabranca.com.br). Consulte o site para datas e horários.

 

Chapada Diamantina Dicas: Serviços

Banco e Correio:

Lençóis: Banco do Brasil (agência), Caixa Econômica (na casa lotérica) Correios (Banco Postal BB), caixas para sacar Bradesco em comércio local (não conte muito com esse serviço).

Mucugê e Andaraí: Banco do Brasil (agência), Caixa Econômica (na casa lotérica) Correios (Banco Postal BB).

Palmeiras: Bradesco (agência), Banco do Brasil (caixa eletrônico e Banco Postal nos Correios) e Caixa Econômica (na casa lotérica).

Ibicoara: Bradesco (agência), Banco do Brasil (caixa eletrônico e Banco Postal nos Correios) e Caixa Econômica (na casa lotérica).

 

Chapada Diamantina Dicas: Hospedagens

– Lençóis é a cidade com mais leitos e consequentemente mais opções para camping, pousadas simples, sofisticadas e hotéis de luxo. Temos a Pousada Luar do Sertão, seria um prazer hospedá-lo(s).

– Vale do Capão também tem uma vasta opção de pousadas, sendo que a maioria delas no estilo esotérica ou naturalista devido á atmosfera e o clima mágico dessa vila. Há também muitos campings e pousadas mais simples.

– Igatú: Destino certo para escaladores, é o paraíso dos boulders no Brasil. Pequena e charmosa, a vila de 384 habitantes tem ruínas como principal chamariz. Há 2 pousadas muito boas e outras mais simples. Há também um camping.

– Mucugê: Conta com um hotel grande fora da cidade e pousadas aconchegantes e outras mais simples estilo hospedaria.

Guiné: Tem pousadas simples e uma bela vista para a Serra do Desbarrancado.

– Ibicoara: Há uma pousada simples na cidade, o ideal é se hospedar nas pousadas da zona rural. São simples porém com instalações novas e em locais muito agradáveis.

– Palmeiras e Andaraí: Tem pousadas simples e um belo casario colonial.